Setup barato para fazer live: 10 coisas que precisa comprar





Muitas pessoas tem vontade de estrear no mundo das transmissões ao vivo usando aplicativos para fazer lives, mas muitas vezes desanimam da ideia imaginando que o equipamento para fazer streaming custa uma fortuna. Porém, existem diversas opções do que comprar para montar um setup barato para fazer uma live.





Um dos primeiros passos para quem pretende fazer lives é escolher uma boa ferramenta de transmissão ao vivo, como essas quatro que são consideradas as melhores do mercado:

Para conhecer todos os equipamentos que você vai precisar para fazer suas transmissões ao vivo, continue lendo nosso artigo sobre o que comprar em um setup barato para fazer uma live.

Quais os equipamentos para fazer lives?

Para fazer uma live você terá que adquirir uma série de equipamentos, como câmera, headset, iluminação, switcher, tripés, entre outros itens. No entanto, para fazer um setup de live de baixo custo, você vai precisar saber quais são os equipamentos essenciais e focar nos modelos que ofereçam o melhor custo-benefício.

Um dos equipamentos que não podem faltar é um bom fone de ouvido:

Outro equipamento que você também pode precisar é de uma webcam:

Para lhe ajudar a conhecer esses equipamentos e saber quais são as melhores opções, vamos listar neste artigo todos os equipamentos que compõem um setup barato para fazer lives. Aproveite e confira também essas 21 dicas para iniciantes de como fazer lives de sucesso.





setup para fazer live

1. Internet veloz

Iniciando nossa seleção para um setup barato para fazer uma live, vamos falar sobre a internet. Embora não estejamos falando exatamente de um equipamento para fazer live, será essencial ter uma boa conexão de internet. Não importa qual plataforma esteja usando, YouTube, Twitch, Restream ou BeLive, sem uma internet veloz você não conseguirá transmitir de forma estável o seu conteúdo.

Ao escolher um provedor de banda larga, é essencial considerar não apenas a reputação da empresa, mas também as velocidades oferecidas nos planos. Muitas vezes, as velocidades anunciadas referem-se à taxa de download, mas para lives, a taxa de upload é mais importante. A taxa de upload determina a velocidade com que os dados são enviados do seu equipamento para a internet.

Outro ponto que vale lembrar é que para contratar um plano de internet você vai precisar antes adquirir um roteador. Existem vários modelos no mercado, mas os mais baratos e que aguentam altas taxas de download e upload são esses:

No entanto, antes de adquirir um roteador, é importante consultar seu provedor de banda larga sobre os requisitos técnicos que o dispositivo precisa ter para aproveitar ao máximo a velocidade do plano que você pretende assinar.

2. Software de transmissão

Para transmitir ao vivo você vai precisar usar alguma rede social ou plataforma de streaming. A princípio, esse item não parece fazer parte de um setup barato para fazer uma live, mas você logo vai descobrir que ter um bom software ou plataforma para fazer suas transmissões ao vivo é muito importante para seu sucesso.

Muitas redes sociais oferecem formas de fazer lives de forma simples e gratuita, como o Instagram e o Facebook. No entanto, muitos preferem utilizar plataformas profissionais para suas transmissões, por elas oferecerem diversas ferramentas e recursos que enriquecem sua transmissão ao vivo, como esses 25 melhores softwares e plataformas para live.

Se você já conhece as ferramentas gratuitas, e quer agora explorar plataformas profissionais com planos acessíveis, nós testamos e recomendamos essas quatro:

Utilizando qualquer uma dessas quatro plataformas você terá acesso a ferramentas mais avançadas que transformarão suas lives completamente, dando um toque mais profissional ao seu trabalho. Com essas ferramentas é possível inclusive fazer live no Facebook e Instagram ao mesmo tempo.

Aproveite o cupom de desconto Streamyard para iniciar no universos das lives gastando pouco.

3. Computador

O computador (ou notebook) está entre os itens mais importantes da nossa lista. Com um bom computador você terá mais ferramentas à sua disposição e poderá fazer transmissões ao vivo com qualidade profissional. No entanto, esse investimento não precisa ser caro, e por isso existem várias opções no mercado que representam uma excelente escolha baseada em custo-benefício.

Um computador para fazer lives precisa ter um bom processador, quantidade de memória RAM adequada e uma placa de vídeo que atenda às suas necessidades.

Um bom processador aumenta o desempenho geral do computador possibilitando que várias aplicações funcionem simultaneamente. O processador básico para transmitir ao vivo deve ter pelo menos 4 núcleos e 8 threads, como os da série Intel Core i5 ou AMD Ryzen 5.

O mínimo de memória RAM para fazer uma live sem travamentos deve ser de 16 GB. Porém, se você pretende fazer lives de jogos mais pesados ou utilizar softwares de edição de vídeo em tempo real, 32 GB de RAM pode ser mais indicado para o seu caso.

É a placa de vídeo que cuida da renderização de imagens e auxilia na codificação da transmissão ao vivo. Para não ter dor de cabeça, opte por uma placa de vídeo dedicada com pelo menos 4 GB de VRAM, como as da série NVIDIA GeForce GTX 1650 ou superior.

Você também pode optar por transmitir diretamente do seu celular, o que em algumas plataformas ou tipos de transmissão ao vivo pode funcionar de forma satisfatória. No entanto, se o objetivo é alcançar a máxima qualidade em suas lives, é recomendável investir em um computador ou notebook.

4. Câmera/Webcam

Webcam para live

Seguindo com nossa lista para um setup barato para fazer uma live, vamos falar sobre a câmera. Ter uma boa imagem é essencial para uma transmissão ao vivo ser considerada de qualidade. Os espectadores desejam enxergar você com clareza e, para isso, é importante investir em uma boa câmera.

Existem diversas câmeras profissionais no mercado, algumas com uma boa relação custo-benefício. Entre as mais em conta, podemos indicar essas:

Contudo, câmeras profissionais pode ser demasiadamente caras e estarem, definitivamente, fora do seu orçamento para montar um setup barato para fazer uma live. Portanto, neste caso, o mais recomendado é usar uma webcam, que é mais barata que câmeras profissionais  e entrega uma qualidade boa o suficiente para fazer uma transmissão ao vivo.

As webcams boas para fazer lives precisam ter primeiramente uma boa resolução, que deve ser de no mínimo 1080p (Full HD). A taxa de quadros (FPS) é outro ponto importante. Para transmissões ao vivo, escolha uma webcam que suporte pelo menos 30 FPS. Por fim, a webcam ideal deve ter o recurso de autofoco, para manter a imagem nítida durante a transmissão, especialmente quando há movimento.

Nós já apresentamos aqui no AppTuts as 10 melhores webcams para transmissões ao vivo, mas desta lista queremos destacar essas três:

5. Headset

Um fone de ouvido ideal para fazer live precisar ter algumas características importantes, como um áudio claro e com presença, trazer um microfone de boa qualidade, ter um isolamento acústico adequado, ser suficientemente leve e confortável, além de outras características.

O mercado oferece atualmente inúmeras opções de marcas e modelos de headsets para quem deseja fazer transmissões ao vivo. Embora existam muitos modelos caros focados em design e qualidade premium, outros entregam também uma boa qualidade sonora sem pesar muito no seu bolso.

Se você está sempre lendo nossos artigos já deve conhecer nossa seleção de 12 melhores fones de ouvido para streamers e lives. Porém, desta lista destacamos especialmente esses modelos mais baratos:

6. Microfone

O headset já vem com microfone embutido, porém, se você quiser elevar o nível de qualidade de suas transmissões ao vivo, uma importante aquisição é um microfone profissional. Atualmente, é possível encontrar na Amazon diversos microfones em oferta que oferecem uma excelente qualidade.

Um microfone ideal para realizar transmissões ao vivo deve ser capaz de captar o som da sua voz com clareza em diversas situações. Ele deve transmitir com nitidez tanto quando você fala baixo quanto quando eleva o tom ou grita, evitando distorções. Além disso, um bom microfone para lives deve proporcionar um som equilibrado e destacar as frequências médias.

Entre as opções disponíveis, as mais baratas, mas que ainda assim entregam uma boa qualidade, são essas:

7. Switcher

switcher

O uso de duas ou mais câmeras no local de transmissão é cada vez mais frequente e proporciona uma apresentação mais atraente, capaz de prender a atenção dos seus espectadores. Porém, além de ter que adquirir mais câmeras, para haver a alternância entre elas, é indispensável o uso de um switcher.

Esse aparelho vem equipado com uma série de controles que permitem efetuar cortes e mudar a imagem exibida, trocando entre as diferentes câmeras. Com o switcher também é possível aplicar efeitos visuais e sonoros, tornando sua live muito mais interessante de se assistir.

Entre os modelos de switcher mais utilizados para fazer lives, destacamos esses três:

8. Iluminação

Continuando com nossa compilação de equipamentos para um setup barato para fazer uma live, vamos falar agora sobre a iluminação. A iluminação também faz uma grande diferença na qualidade de uma transmissão ao vivo. Por mais iluminado que seja o ambiente de onde você pretende fazer sua live, muitas vezes a câmera, por limitações técnicas, tende a escurecer a imagem a tornando menos atraente.

Para transmitir com uma imagem clara e iluminada, o mínimo que você vai precisar é de um ring light (anel de luz), que são aquelas iluminações que chamam a atenção por seu formato circular. Existem diversas opções de tamanho e potência, e entre as mais populares e baratas do mercado, podemos indicar essas:

Outro tipo de iluminação também bastante utilizada para fazer transmissões ao vivo e stream, é o softbox, que consiste em um refletor em formato de caixa que contém uma ou mais lâmpadas em seu interior. A frente da softbox geralmente é coberta por um tecido difusor, que suaviza a luz e elimina sombras duras e dando um toque mais natural.

Embora não seja uma opção tão barata quanto os rings light, com o softbox é possível elevar a qualidade das suas lives, proporcionando aos espectadores uma imagem bem iluminada e com aparência profissional. Se você acha que vale apena investir em uma iluminação tipo softbox, dá uma olhadinha nessas opções que separamos para você:

9. Tripé

Apesar de serem acessórios básicos e acessíveis, acredite: você vai precisar de alguns tripés no seu setup de equipamentos, desde os pequenos que servem para segurar microfones, até os maiores que tem boa altura e suportam o peso de câmeras e iluminação.

Existem diversos modelos de tripés no mercado, a maior parte deles são baratos e conseguem suprir todas as necessidades de quem quer fazer transmissões ao vivo. No entanto, é importante que saiba que os modelos mais caros, em geral, também são mais robustos e duráveis, além de terem mais articulações e ajustes, o que facilita no posicionamentos dos equipamentos, como câmeras, por exemplo.

Veja algumas essas opções de tripés com boa relação custo-benefício:

10. Teleprompter

Teleprompter

O teleprompter é um equipamento para lives que nem sempre necessário, mas, em alguns casos, ele pode ser essencial para fazer transmissões ao vivo de qualidade. Esse dispositivo é utilizado para auxiliar o apresentador da live a ler um roteiro previamente preparado.

O equipamento exibe o texto de forma espelhada, que é refletido em um vidro transparente posicionado em frente à câmera, permitindo que o apresentador leia o conteúdo olhando diretamente para a câmera. Esse recurso é muito usado quando é preciso ler algum texto exatamente como ele foi escrito, sem improvisar.

Existem diversos modelos e tamanhos de teleprompters, desde opções compactas, adequadas para câmeras e celulares, até modelos profissionais maiores, utilizados em estúdios de televisão.

O que o PC precisa para fazer live?

O PC ideal para fazer lives precisa ter pelo menos 16GB de memória RAM e um processador intermediário de bom desempenho, como o Intel Core i5 ou AMD Ryzen 5. Além disso é necessário que tenha uma placa de vídeo como as da série NVIDIA GeForce GTX 1650 ou superior.

O que é necessário para se fazer uma live?

Se você procura fazer uma live mais simples, basta um celular e acesso a alguma rede social, como Facebook, YouTube ou Instagram. Porém, se você deseja fazer lives mais profissionais deve primeiramente contratar uma plataforma profissional para transmissão ao vivo, como o Restream, BeLive, OneStream e Streamyard.

Precisa de placa de vídeo para fazer live?

É possível fazer lives diretamente do celular, sem necessidade de usar uma placa de vídeo. Porém, se sua intenção for fazer transmissões ao vivo profissionais ou streaming de jogos, será essencial adquirir uma boa placa de vídeo para ter qualidade e fluidez em sua transmissão.

O que comprar para ser Streamer?

Para começar no universo dos streamers você vai precisar de uma série de equipamentos, como headset, webcam, switcher, iluminação e tripés. Você também pode aprimorar suas transmissões ao vivo adquirindo um microfone e um teleprompter para dar um toque mais profissional em suas lives.

Manuel Rivas

Fernando Rivas. Compagino mis estudios superiores en ingeniería informática con colaboraciones en distintos medios digitales. Me encanta la el periodismo de investigación y disfruto elaborando contenidos de actualidad enfocados en mantener la atención del lector. Colabora con Noticias RTV de manera regular desde hace varios meses. Profesional incansable encargado de cubrir la actualidad social y de noticias del mundo. Si quieres seguirme este es mi... Perfil en Facebookhttps://www.facebook.com/manuel.rivasgonzalez.14 Email de contacto: fernando.rivas@noticiasrtv.com

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *